Pequenas Felicidades – Let it go

Ouvi tantas vezes essa música com a minha filha que a expressão deve ter ficado cravada no meu cérebro, mas hoje não tem gelo, gente cantando ou irmã maluca que casa com o primeiro camarada que aparece na frente, mas tem sim uma pessoa maluca de cabelos brancos, você, que se prende ao passado e fica revirando o baú de suas memórias, procurando explicações e soluções para o que já está resolvido para…quase… todo mundo.

Não adianta vasculhar na vida dos seus antigos relacionamentos ou ficar perseguindo a empresa que trabalhou no passado, o que aconteceu, o que acontece atualmente ou o que irá acontecer com aquilo que não faz mais parte da sua vida é simplesmente algo que te prende e te impede de conquistar e enxergar as novas oportunidades a sua frente, não importa realmente se está bem ou se está mal, as pessoas tem dificuldade em desapegar daquilo que conviveram no passado e acabam se prendendo aos pequenos detalhes das coisas que não influenciam mais sobre si.

Deixe o passado no passado, por mais difícil que possa parecer, lide com os seus sentimentos não resolvidos, termine as peças que na sua cabeça faltam terminar e arranque de vez a sua relação pessoal com aquilo que não tem mais relação com você, parece uma bobeira mas o próximo passo depois disso tudo é muito simples, continue a nadar… opa… acho que isso é de outro filme…

AVISO
Como sempre fica o alerta, o título da coluna tem nome de filme da Disney, para ver se alguém compreende o significado e depois compartilha.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Comment moderation is enabled. Your comment may take some time to appear.