Entre Cafés – O Livro dos Seres Imaginários

Continuamos com um pé na realidade e outro na fantasia e hoje vamos entrar mais na fantasia explorando um pouco o Livro dos Seres Imaginários de Jorge Luis Borges.

O Motivo: Durante a faculdade tive aulas de espanhol e acabei conhecendo outros autores do realismo fantástico. Meu pai, de quem eu herdei grande parte das minhas preferencias literárias, dividiu comigo algumas das leitura dele e num dia dos pais eu decidi comprar pra ele o Livro dos Seres Imaginários (e claro, eu tive que ler também).

O Livro: Ele é bem diferente do que eu costumo a recomendar aqui por um motivo simples, não é uma narrativa. É possível dizer que o livro é como uma enciclopédia com informações sobre esses seres fantásticos que a humanidade criou e em cuja existência acredita. Sereias, unicórnios, esfinges e tantos outros seres menos conhecidos são descritos pelo autor aos poucos.

Vale a pena?: Se você quiser uma leitura bem diferente e sem uma narrativa corrida este é o livro certo.  Vale dar ao menos uma espiadinha.

Pra acompanhar: Um mate argentino gelado e depois um alfajor.

 

#FreePost
Este post não é patrocinado e os produtos citados são opções de consumo do próprio autor. As marcas mencionadas não tem nenhum tipo de relacionamento com o blog, ou a coluna em questão.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Comment moderation is enabled. Your comment may take some time to appear.